Porsche confirma que Macan EV chega mesmo só em 2024, por conta do software da Cariad

Atraso do lançamento da nova geração do Porsche Macan é revelado e tem culpa da divisão Cariad, responsável pelo desenvolvimento do software



A Porsche confirmou o atraso no desenvolvimento da nova geração do Macan recentemente. O SUV estava previsto para ser lançado em 2024, por conta de problemas de software. A Cariad, divisão de desenvolvimento de softwares para as marcas da VAG, confirmou que o progresso de criação do novo Macan foi afetado por um problema no software entregue pela empresa. Segundo a Cariad, o problema estaria na plataforma de software E3 1.2.

Essa plataforma de software será usada pelos carros da Porsche e também da Audi, com base na plataforma Premium Performance Electric (PPE). Esse problema ainda pode atrasar o desenvolvimento de outros elétricos, tanto da Porsche como também da Audi. Entre os projetos atrasos, é quase certo afirmar que na Porsche, os projetos como as novas gerações da linha 718 (Boxster e Cayman) e Cayenne, devem ser afetadas em até um ano, destacou o Autocar.

A Cariad ainda estaria responsável pelo desenvolvimento do software E3 2.0, que será usada na plataforma Scalable Systems Platform (SSP). Existe ainda o desenvolvimento de uma plataforma SSP Sport, que será usada pelos carros da Porsche, especialmente os esportivos, que vão depender também do software. De acordo com a marca alemã, “o lançamento da SSP Sport não dependerá de outras plataformas SSP desenvolvidas pelo Grupo Volkswagen”, destacou a Porsche.

O Macan EV usará uma arquitetura elétrica de 800V semelhante ao Taycan “com melhorias no alcance”, disse a Porsche. A plataforma PPE vai permitir que os carros que utilizam a base tenham um motor de até 612cv e 102kgfm de torque. Falando em motores, ele será equipado com os motores elétricos síncronos permanentemente excitados (PSM) com enrolamento em forma de gancho usado pela Porsche.

Neste projeto, o rotor do motor CA é equipado com ímãs permanentes que geram um campo magnético permanente no motor. Em comparação com os motores assíncronos (ASM), os PSMs oferecem maiores densidades de potência e torque, maior eficiência e melhor reprodutibilidade da potência de saída. Ele ainda terá um sistema de resfriamento da camisa de água otimizado em relação ao Taycan.

Com arquitetura de 800V, o Macan vai poder ser carregado em estações de até 270kW e recuperar de 5% a 80% em apenas 25 minutos. Se a estação estiver usando tecnologia de 400V, o Macan totalmente elétrico usa 'carregamento de banco' pela primeira vez, em que os interruptores de alta tensão (portões) correspondentes são automaticamente acionados na bateria antes do início do processo de carregamento real.



Fotos: Porsche / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv