Stellantis comemora avanço de 23,6% nas vendas na América do Sul no acumulado

Stellantis comemora a manutenção da liderança no mercado sul-americano com destaque para países como Brasil, Argentina e Chile; na região, domina com 23,6%



A Stellantis está comemora o bom resultado que vem alcançado em mercados da América do Sul. O grupo ítalo-franco-americano responde por 23,6% das vendas na região, no acumulado de janeiro a novembro de 2022. O destaque nas vendas vem dos três maiores mercados da América do Sul. No Brasil, o destaque do grupo é a Fiat que responde por 23,3% de mercado, com quase 45 mil unidades vendidas apenas em novembro. No acumulado do ano, o resultado é de expressivos 388 mil unidades e 22% de mercado.

A Strada se mentem como modelo mais vendido, com 103 mil unidades vendidas. A Fiat ainda é líder em segmentos como hatches (24,8%), picapes (50,9%) e vans (36,9%). A Stellantis ainda teve bom resultado com a Jeep e suas 13.311 unidades vendidas, atingindo 20,7% de mercado de SUVs. No acumulado do ano, a Jeep já conta com 123.773 unidades comercializadas e 20% de participação entre os SUVs no país. A Peugeot teve 4.623 unidades vendidas, crescimento de 52% em relação ao mesmo período de 2021.

No acumulado do ano, a alta é de 51% com 39.229 unidades. Esse já é o melhor resultado desde 2014 para a marca. Quem também vem crescendo em nosso mercado é a Citroën. Com mais de 27.800 unidades vendidas no acumulado do ano, a empresa conquistou uma participação de 1,6% no mercado total. Em comparação com igual período do ano anterior, a marca registrou crescimento de 37% em suas vendas. O novo C3 é o grande destaque nas vendas no período. Já a RAM teve 720 unidades vendidas, seu melhor resultado histórico de vendas no Brasil.

Destaque para a 3500 foi a segunda do ranking, com 304 registros. Outro lançamento deste ano, a Ram Classic ficou na quinta posição (207), seguida da Ram 1500 (178). No acumulado de 2022, as mais de 4 mil unidades emplacadas representam uma alta de 49% sobre mesmo período do ano passado. Na Argentina, a Stellantis vendeu 112.647 unidades de janeiro a novembro, 31,1% de mercado. A Fiat é líder também com 54 mil unidades e 14,9% de mercado. A Peugeot aparece em segundo com 34.400 unidades e 9,5% de mercado, enquanto a Citroën tem 13.400 unidades e 3,7%.

A Jeep teve 9.452 unidades (e 2,6%). No grupo, Fiat Cronos e Peugeot 208 são os destaques. Por fim, o Chile respondeu por 42.700 unidades de marcas do grupo. Isso equivale a 10,88% de mercado. A marca mais vendida do grupo é a Peugeot, com mais de 19 mil unidades emplacadas desde janeiro (4,87% do mercado), seguida por RAM (7.382 unidades, 1,88% das vendas), Citroën (6.437 unidades e 1,64%), Opel (3.948 unidades, 1%) e Jeep (3.050 veículos, 0,78%).



Fotos: Fiat e Peugeot / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet terá Feirão de Fábrica neste final de semana em São Caetano do Sul e promoções

BMW lança novo Série 5 no Brasil, com versão híbrida 530e, que estreia por R$ 574.950

Porsche apresenta seu novo logotipo para comemorar os 75 anos de fundação da marca

Toyota investe mais R$ 160 milhões na fábrica de Sorocaba (SP) com novo Centro de Peças

Hongqi revela oficialmente a segunda geração do HS3 na China, com motor de até 252cv

BYD tem promoção 'DiaE' neste sábado, 22/06, com Dolphin por R$ 135.300, com bônus

BYD King é o batismo global do Destroyer 05 e chega para colocar Toyota Corolla na mira

GM confirma que carros compactos elétricos e lucrativos vão demorar um pouco mais

Toyota apresenta atualização para o catálogo de versões da Hilux, com fim da versão SRX