Alfa Romeo confirma que desenvolve um modelo 'maior que o Giulia'; um novo sedã?

Alfa Romeo confirma que desenvolve um sedã acima do Giulia na América do Norte, possivelmente como um modelo puramente elétrico, confirma CEO 



A Alfa Romeo confirmou o desenvolvimento de um novo produto para o mercado norte-americano, que será maior que o Giulia. A novidade foi confirmada por meio do CEO da Alfa Romeo, Jean-Philippe Imparato. O novo veículo será do segmento E, e, se for um sedã, vai concorrer com modelos como Audi A6, BMW Série 5, Mercedes-Benz Classe E e Volvo S90. Atualmente, o Giulia concorre com sedãs menores como Audi A4, BMW Série 3, Mercedes-Benz Classe C e Volvo S60.

“Teremos que estar no segmento E na América do Norte. Estamos trabalhando nisso.", confirmou Imparato em entrevista ao site Automotive News Europe. O novo modelo será apresentado na Europa e pode ser apresentado depois em outros mercados, com a confirmação que a novidade também chegará aos EUA. A Alfa Romeo espera que 40% das suas vendas ocorram em outros mercados fora da Europa. Sobre a novidade, ainda não se tem muitas informações, mas tudo indica que estamos diante de um produto puramente elétrico.

Isso porque a empresa confirmou que será 100% elétrica até meados de 2027. Apesar da marca não ter confirmado que será um sedã, Imparato confirmou que ele será maior que o Giulia e não maior que o Stelvio. Até porque o Stelvio é maior que o Giulia. Enquanto o sedã possui 4,639 metros de comprimento, o Stelvio tem 4,687 metros, sendo ele, hoje, o maior produto da marca. Se fosse um possível novo SUV, estaríamos falando de ‘um novo produto maior que o Stelvio’ e não o contrário.

Ano passado, foi dito que o novo modelo está em desenvolvimento para concorrer com o BMW i5, a futura versão elétrica do BMW Série 5. “Nós [Alfa Romeo] temos vocação para ser uma marca premium mundial, então tenho que estar na visão de o segmento premium E [carros grandes]. Estarei lá por volta de 2027.”, disse Imparato em entrevista para o site Auto Express.

“E o SUV? E o sedã? Que tal algo no meio? Sabendo que seremos BEV, o desafio passa a ser aerodinâmica, e sabendo que o DNA da Alfa Romeo é sedã, e sabendo que a assinatura da Alfa é esporte, a resposta provavelmente não é SUV – quero reinventar a esportividade para o século XXI.”, acrescentou em entrevista. O executivo confirmou ainda que enviou uma equipe para os Estados Unidos para desenvolver esse (suposto) sedã elétrico, num segmento onde a Alfa não tem mais participação há alguns anos.



Fotos: Alfa Romeo / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR