TOGG apresenta o seu primeiro automóvel, o T10X, um utilitário esportivo BEV com até 441cv

TOGG estreia oficialmente e coloca a Turquia na mapa dos países com marcas próprias; estreante, aposta no SUV elétrico T10X, com motor de 441cv 



A TOGG apresentou oficialmente o seu primeiro veículo ao mundo, o utilitário esportivo elétrico batizado de T10X. O modelo estreia com duas opções de motor e ajuda a marca a se popularizar em outros mercados por já ter nascido como um carro elétrico. Antecipado pelo C-SUV Concept, de 2019, o utilitário esportivo possui um design muito evolutivo frente ao conceito. Sendo um SUV médio, o modelo deve ter porte similar a outros SUVs como Chevrolet Equinox e Toyota RAV4.

Visualmente, o T10X se destaca por trazer um design bem original, com faróis retangulares com dois projetores em LED, conectado com a grade dianteira. A grade dianteira possui barras cromadas verticais, com cada elemento vertical com barras duplas. Todo o contorno da grade e dos faróis tem um acabamento cromado e preto brilhante. O para-choque dianteiro do SUV possui uma entrada de ar inferior, com estilo trapezoidal. Ele ainda possui um acabamento prateado na parte inferior da carroceria.

A TOGG ainda desenhou o T10X com faróis de neblina em um acabamento verticalmente inclinado nas extremidades do para-choque dianteiro. O acabamento dos faróis de neblina é em plástico preto, estando conectado ainda as luzes diurnas (DRL) em LED, com desenho em ‘L’ invertido. O SUV ainda possui o logotipo da marca no capô, logo acima da grade dianteira. Além disso, as linhas do capô chamam atenção pelos vincos mais fortes nas extremidades da peça, partindo a partir da grade dianteira do SUV.



Quando visto de perfil, o T10X lembra um pouco s antigas gerações do BMW X5, especialmente pelo desenho da área envidraçada. Falando nela, todo o contorno dos vidros tem um acabamento cromado, com retrovisores com repetidores de seta. As maçanetas são convencionais e ele possui um friso cromado na parte inferior das portas. A marca turca ainda adicionou um acabamento em plástico preto em toda a parte inferior da carroceria, no para-choque dianteiro, caixas de rodas, saias laterais e para-choque traseiro.

Em termos de vincos, o T10X possui um que nasce nos faróis e define a linha de cintura do SUV, chegando até a porta traseira. A partir dali, um novo vinco nasce e chega até as lanternas. O SUV ainda possui um vinco em ‘C’ na parte mais inferior das portas. O SUV ainda tem um rack de teto prateado e a antena de teto imita uma barbatana de tubarão, além de um amplo teto solar panorâmico. O SUV vem com rodas de 17 a 19 polegadas, dependendo da versão. De traseira, o T10X possui um aerofólio traseiro com prolongamento para as laterais do vidro.

O aerofólio tem brake-light integrado, enquanto as lanternas se conectam entre si. Finas, elas invadem a tampa do porta-malas e tem iluminação em LED. Entre o vidro traseiro e as lanternas, existe o logotipo da arca. As lanternas ainda tem um friso cromado ao centro, que abre espaço para a placa traseira. O SUV ainda possui o nome com logotipo no lado esquerdo, tendo um friso horizontal que corta quase toda a tampa na traseira. O SUV ainda possui um para-choque traseiro com um acabamento em plástico preto, com a continuidade do friso cromado das laterais.



O modelo ainda possui refletores verticais nas extremidades, cortado pelo friso cromado. A parte inferior do para-choque traseiro tem um acabamento prateado, que completa o design do T10X. Internamente, destaque para a enorme tela de 29 polegadas que corta quase todo o painel. Há uma tela para o quadro de instrumentos de 12 polegadas. A central multimídia enorme possui um moderno sistema fornecido pela Snapdragon Digital Cockpit, que permite uma conectividade maior e gráficos avançados e experiências multimídia. A central ainda possui conectividade com 4G Wi-Fi.

O SUV ainda possui um volante multifuncional com detalhes prateados, enquanto o painel parece ter dois andares A parte superior fica um pouco mais alta por conta das telas e mais abaixo ele possui as saídas de ar-condicionado horizontais, tanto centrais quanto dos extremos. Há ainda uma pequena tela de 8 polegadas que é controle para sistemas como de ar-condicionado e outras funcionalidades do carro, logo abaixo das saídas centrais de ar. O SUV ainda possui um acabamento em preto brilhante no contorno da tela.

O console central ainda possui um desenho bem moderno, com um espaço para recarga por indução para smartphone e do lado existe uma parte mais elevada que traz um seletor e o freio de estacionamento por botão. No lado esquerdo, está a alavanca de câmbio por meio de um outro seletor. Os painéis das portas ainda tem iluminação personalizável em LED, com uma faixa prateada que chega até a maçaneta da porta. O modelo ainda possui conectividades como TruStore by Togg, com vários aplicativos próprios e de terceiros para aprimorar ainda mais a experiência do usuário e o Trumore, incluindo o aplicativo de navegação online Trumore Go by Togg.



Este indica bares, mercearias e sites de comércio eletrônico com pagamento direto por meio da carteira eletrônica integrada. O SUV ainda possui um assistente de voz chamado de Noise, que permite funcionalidades por voz e usa artifício de inteligência artificial. Mecanicamente, ele será oferecido com duas opções de motor e duas opções de baterias. A versão mais simples alia o motor elétrico no eixo traseiro de 221cv e 35,7kgfm de torque e o segundo é uma dupla de motores elétricos, um em cada eixo. Juntos, eles entregam 441cv e 71,4kgfm de torque.

Com esse conjunto, ele pode acelerar de 0 a 100km/h em 4,8 segundos. A versão de 221cv tem capacidade de acelerar até os 100km/h em 7,8 segundos, sempre com máxima de 185km/h. Em termos de baterias, ele pode ser associado a uma bateria de 52,4kWh que permite uma autonomia mínima de 314km, no ciclo WLTP. A bateria maior é de 88,5kWh, que oferece uma autonomia de até 523km, também no ciclo WLTP. Ambas baterias possuem uma capacidade de recarga de até 150kW em estações de recarga rápida (DC), recuperando de 20% a 80% da bateria em menos 30 minutos. A marca ainda vende seu carregador WallBox chamado de Trugo, de 11kW, que recupera a energia em 8 horas.

“Desde o primeiro dia, nos propusemos a criar uma marca de tecnologia de mobilidade globalmente competitiva, cuja propriedade intelectual é 100% de propriedade da TOGG, a Turquia criou um ecossistema em torno de nosso dispositivo inteligente e produtos digitais que sejam acessíveis a todos e possam ser desenvolvidos por todos, colocando o usuário no centro. Nos últimos cinco anos, avançamos passo a passo com nossos planos e, como prometido, estamos trazendo nosso dispositivo inteligente para os usuários em março.”, disse o Executivo-Chefe da TOGG, Gürcan Karakaş, em comunicado.



De série, ele é vendido com sete airbags de série e os sistemas avançados de assistência à condução autônoma de Nível 2 com controle de cruzeiro adaptativo inteligente com funcionalidade Stop&Go em combinação com o sistema de detecção de sinais de trânsito, sistema inteligente de manutenção de faixa e aviso de saída de faixa. A condução N2 permite que os usuários possam tirar as mãos do volante em tráfego intenso de até 15km/h e prosseguir sob o controle do T10X. O SUV ainda terá atualizações Over-The-Air (OTA) em dispositivos inteligentes com equipamentos de nível V2 e um pacote especial de lançamento.

Ele ainda possui sistema anticolisão, frenagem autônoma de emergência, câmera de visão traseira, detecção de pista, assistente de velocidade, Cruise Control Adaptative, monitoramento de ponto cego, assistente de farol alto, bancos dianteiros e traseiros aquecidos e ISOFIX. De acordo com a marca, o SUV possui 4,599 metros de comprimento, 2,890 metros entre os eixos, 1,836 metro de largura e 1,675 metro de altura. O T10X tem porta-malas de 441 litros de capacidade e um peso de 2.126kg. Os preços começam em 1,215 milhão de liras.




Fotos: TOGG / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BYD lança oficialmente o Song Pro no Brasil, com motor de até 235cv e por R$ 189.800

Volvo lança promoção do EX30 no Brasil, além de condições para XC40, C40, XC60 e XC90

Iveco já trabalha na homologação do eDaily, que chega ainda neste semestre no Brasil

Baojun apresenta a chegada do Yunduo na China, o concorrente direto do BYD Dolphin

Volkswagen registra imagens de patente do ID.7 S na China, que será da joint-venture SAIC-VW

Mercedes-Benz atualiza itens de série do Classe E no Brasil e fica R$ 61 mil mais barato

Iveco lança o eDaily no Brasil, contra o Ford E-Transit, em três versões e parte de R$ 549.000

JAC Hunter é uma das apostas da marca chinesa para este segundo semestre no Brasil

BYD lança promoção '48 Horas Eletrizantes' e tem condições até o final deste mês

Zeekr revela as primeiras imagens teaser do 'C1XE', que estreia em breve na China