Aeolus, marca da Dongfeng, apresenta o Yixuan GS renovado no Salão do Automóvel de Xangai

Aeolus, uma das marcas da Dongfeng, apresenta a reestilização do seu utilitário esportivo Yixuan GS no Salão do Automóvel de Xangai, na China



A Aeolus, marca do deus guardião do vento Éolo, é uma das marcas que a Dongfeng possui na China. E os ventos levaram a reestilização do Yixuan GS ao Salão do Automóvel de Xangai. Lá, a marca apresentou as primeiras mudanças visuais do modelo apresentado em 2020, pertencente à linha Yixuan, que ainda conta com os sedãs Yixuan e Yixuan Max. O único que não é um sedã na linha é o Yixuan GS, um utilitário esportivo com uma pegada de station wagon.

No Salão de Xangai, foi o momento de apresentar as primeiras mudanças visuais. De acordo com as imagens, a Aeolus apresentou as mudanças de acordo com a nova filosofia de design da marca, Strike Sword Shadow. Na dianteira, o modelo recebe um design mais esportivo, marcado pelo novo desenho dos faróis, mas principalmente pelo desenho da nova grade dianteira. Nos faróis, a Aeolus apresentou um Yixuan GS com faróis de linhas mais retas, com um retângulo horizontalmente inclinado. Os faróis trazem luzes diurnas (DRL) em LED na parte superior e em pequenos quadrado internos.

Os faróis ainda possuem projetores em LED e se conectam por meio de uma barra que é iluminada e traz o logotipo Aeolus ao centro, igualmente iluminado. A grade dianteira ainda possui um desenho bem irregular, ocupando boa parte da dianteira do SUV. A grade possui entradas de ar funcionais mais ao centro, com uma grelha estilo favos de colmeia e o espaço para a placa fica na frente da grelha. Essa grelha possui um prolongamento para as extremidades em um acabamento em plástico preto, mas sem entradas de ar. Nas extremidades laterais, existe um triângulo com um acabamento prateado e preto brilhante.

No para-choque dianteiro, a marca ainda adicionou novidades como um acabamento da entrada de ar inferior que também se conecta com a grade dianteira, que parece formar tudo uma coisa só. Esse acabamento em preto brilhante traz a entrada de ar inferior com barras verticalmente inclinadas e dois acabamentos em ‘L’, com friso em laranja – pelo menos nesse modelo das imagens. Existe apenas uma ponta do acabamento na cor da carroceria que invade da parte inferior esse acabamento da entrada de ar. O capô traz o logotipo da Dongfeng e existem vincos duplos que partem da grade superior e dos faróis.



De perfil, a reestilização se destaca ao trazer novas rodas de liga leve de 17 polegadas, calçadas com pneus 215/55 R17. O friso cromado que ficava na parte superior dos vidros sumiu e agora existe um acabamento em preto brilhante, o mesmo que se encontra na capa dos retrovisores e no rack do teto – este, por exemplo, traz um novo desenho. O teto ainda mantém o teto solar panorâmico de 1,08m². De traseira, as mudanças ficam por conta de um novo aerofólio que traz um brake-light vertical ao centro, em uma parte vazada do aerofólio, que é dividido em dois por conta da terceira luz de freio.

As lanternas recebem um acabamento cinza e o logotipo tem acabamento preto fosco. O para-choque traseiro é mais uma novidade. Mais rebuscado, ele possui falsas saídas de ar nas extremidades com um acabamento triangular e em plástico preto. A parte inferior do para-choque traseiro tem um acabamento em plástico preto com refletores horizontais e nas extremidades, além de saídas de escape dupla e com acabamento cromado. Ao centro, existe uma lanterna de neblina e um difusor de ar com quatro aletas. Por dentro, não sobrou nada do modelo antigo.

Com um painel todo reformulado, a Aeolus trouxe quadro de instrumentos com tela digital de 7 polegadas, personalizável. O modelo traz ainda um novo volante de dois raios com controles multifuncionais e uma base achatada. O destaque do painel fica por conta de uma nova central multimídia com tela de 13 polegadas e vertical, tendo duas saídas de ar-condicionado horizontais acima da tela da central e outras duas saídas de ar-condicionado, horizontais, nas extremidades. O painel ainda tem um acabamento cinza e um friso laranja que parecem levar os olhos para a central. O console central pouco muda e a maior dos controles do painel foram suprimidos pela central.



Os painéis das portas são os mesmos, tal qual os bancos. Na China, o Yixuan GS é desenvolvido sobre uma plataforma modular chamada de CMP e será vendido com 4,630 metros de comprimento, 2,680 metros entre os eixos, 1,830 metro de largura e 1,610 metro de altura. O porta-malas possui 474 litros de capacidade, mas pode ser expandido para 1.109 litros de capacidade com a segunda fileira de bancos rebatida. Mecanicamente, ela continua com as mesmas opções de motor, sendo o 1.5 16v de 125cv e 16,1kgfm, com câmbio manual de cinco marchas.

Partindo ao 1.5 Turbo a gasolina, ele tem 150cv e 23,4kgfm e um câmbio automatizado de dupla embreagem DCT de 6 marchas. O mesmo motor 1.5 Turbo ainda pode ter uma opção mais forte, com 197cv e 30,6kgfm. De série, ele será vendido com bancos esportivos perfurados em couro integrados, ar-condicionado automático, espelhos externos ajustáveis ​​eletricamente e aquecimento, e um estacionamento automático inteligente sistema, câmera de visão panorâmica de alta definição de 540° e ajuste elétrico dos bancos principal e do passageiro.

A lista cresce com carregamento sem fio para celulares, e aviso de abertura de porta seguro e inteligente, monitoramento de ponto cego, sistema de segurança inteligente de aviso de colisão traseira. Por fim, a central multimídia possui WindLink, que suporta navegação online, controle de voz com inteligência artificial, atualização Over-The-Air (OTA), controle remoto, tecla Bluetooth e outras funções. Na China, os preços vão de 85.900 a 99.900 yuans. 




Fotos: Aeolus / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR