Alpine apresenta o A110 Pikes Peak, que traz um motor que entrega 507cv para evento

Alpine apresentou o A110 Pikes Peak, que disputou o desafio de Pikes Peak que traz uma série de elementos aerodinâmicos criados com a Signatech 



A Alpine apresentou oficialmente o A110 Pikes Peak, que disputou o desafio da montanha Pikes Peak, que possui quase 20km de extensão com muitas curvas e a famosa subida. O cupê ganhou uma série de elementos aerodinâmicos que contribuem para a sua aerodinâmica, criados em parceria com a Signatech. Entre as novidades, a marca esportiva francesa passou a contar com divisor estilo bulldozer, que até lembra um carro de Fórmula 1. A dianteira também recebe novidades como faróis, que passam a ter um novo layout.

Eles ainda ganham uma barra horizontal em LED como iluminação principal, enquanto o restante dos faróis possui uma capa em preto brilhante com desenho mais aerodinâmico. O mesmo acontece com os faróis auxiliares, que receberam essa mesma barra horizontal e um contorno em preto brilhante. O para-choque ainda trouxe o nome Alpine com letras em preto brilhante e a entrada de ar inferior ganhou uma nova grelha, que traz o nome A110 em destaque pintado em branco. No capô, o esportivo tem um acabamento preto com espaço para patrocinadores, com detalhes que parecem em fibra de carbono.

De perfil, o grande destaque fica por conta de novas rodas de liga leve com calotas aerodinâmicas, com acabamento em preto. O mesmo acabamento escuro também está presente no teto do A110 Pikes Peak, onde ele possui uma entrada de ar. Ainda nas laterais, o cupê também recebeu novidades como retrovisores que também lembram carros de Fórmula 1, com linhas mais aerodinâmicas. Na traseira, é inegável que o carro ainda possui uma asa traseira conectada com o vidro traseiro, por meio de uma barbatana de tubarão com uma haste vertical, vista de cima, que quase se conecta com a grande asa traseira.

Há ainda um pequeno aerofólio na tampa do porta-malas em fibra de carbono, além de apêndices aerodinâmicos nas laterais do para-choque traseiro, assim como ocorre na dianteira. O para-choque traseiro ainda ganha u novo difusor de ar com aletas verticais, com um acabamento em preto brilhante. Em toda a carroceria, o esportivo ainda possui tons azul, vermelho e branco, com estrelas no teto e com adesivos alusivos para o Gran Turismo, um dos videogames mais conhecidos do mundo. Ele ainda possui um motor que desenvolve 507cv de potência, mas sem revelar a cilindrada do motor.



A francesa apenas comenta que o esportivo possui um peso de 950kg, com uma redução no peso por conta da perde de elementos como boa parte do interior, ganhando apenas a gaiola de proteção. “O A110 Pikes Peak revela o lado mais selvagem deste carro icônico. Já é ágil e leve por design, mas com sua aerodinâmica específica e proporções extremas, transforma-se em uma verdadeira fera de corrida. Este evento lendário foi uma fonte inesgotável de inspiração para estimular a nossa criatividade e aprimorar o A110, integrando ao mesmo tempo as restrições ligadas ao desempenho.”, disse Raphaël Linari, Gerente de Design da Alpine.

“Graças à estreita colaboração com as equipas técnicas da Signatech, este projeto pôde concretizar-se num espaço de tempo particularmente curto. Mal podemos esperar para ver a nossa criação desafiar os monstros poderosos da América em seu território natal. Gostaria de agradecer a Jun Okazaki e Victor Sfiazof, os dois designers que me acompanharam para refinar o design deste carro até ao mais ínfimo pormenor. Sem falar na fantástica colaboração com a equipe Signatech, tão experiente quanto apaixonada.”, adicionou Linari. Para François Letort, Chefe do Projeto Alpine A110 Pikes Peak, ele é o A110 que ultrapassou tudo que a marca já criou.

“O Alpine A110 Pikes Peak ultrapassou os limites da nossa imaginação, muito mais do que qualquer coisa que poderíamos ter imaginado no início do projeto. Foi um prazer colaborar com o escritório de design Alpine, com quem rapidamente seguimos na mesma direção graças às nossas competências internas e à nossa capacidade de sermos extremamente receptivos. O nosso core business reside nesta força de proposta e também temos podido contar com uma rede de fornecedores e subcontratados locais que ouvem as nossas solicitações. Os primeiros dois dias de testes correram muito bem. O Alpine A110 Pikes Peak alcançou todos os primeiros objetivos que lhe foram atribuídos, um tour de force num espaço de tempo particularmente curto. Estamos, portanto, orgulhosos de poder levantar o véu sobre um modelo espetacular, tanto visualmente como em termos de desempenho. Estamos todos ansiosos para enfrentar o desafio lendário que nos espera!”, disse Letort.







Fotos: Alpine / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Volkswagen lança promoção no Brasil para Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos, Tiguan e Amarok