Em teaser, Dodge revela detalhes da versão de produção do Charger Daytona SRT Concept

Em cartão, Dodge mostra um Charger que parece muito com uma versão de produção e muito parecido com o Charger Daytona SRT Concept, apresentado em 2022



Parece que está cada vez mais próximo que a Dodge vai apresentar o seu primeiro esportivo puramente elétrico, baseado no Charger Daytona SRT Concept. Isso porque apareceu em um cartão o modelo que é basicamente o mesmo conceito apresentado em 2022 e muito provavelmente ele vai beber muito da inspiração do conceito. Tanto, que a dianteira parece ser a mesma, com a diferença dos faróis serem circulares e não retangulares. O modelo também possui um para-choque dianteiro redesenhado, maçanetas convencionais e retrovisores com base nas portas.

Tudo o que a Dodge poderia transformar o conceito em um carro de produção. Apresentado como um cartão de Natal, a Dodge mostrou o cupê dentro de um livro chamado de “Lista das Maldades do Papai Noel”. Em um vídeo, o narrador afirma: “Encare, a lista legal do Papai Noel não é onde você quer estar neste feriado. Por que? Porque entrar na lista de travessuras é muito mais divertido. E a melhor maneira de chegar lá é ao volante de um muscle car Dodge.”, destaca. Sabe-se até o momento que a Dodge pode desenvolver três versões elétricas, mas um conjunto híbrido não estaria descartado.

A forma é manter o consumidor com algum tipo de motor a combustão, a fim de não desapontar aqueles que são ‘petrolhead’. O lançamento do esportivo é esperado para o final deste ano e seu design deve mesmo ser fortemente inspirado no conceito. A informação foi confirmada pelo Mopar Insiders, que teve informações a respeito da versão de produção e confirmou que ele será desenvolvido com o R-Wing na sua dianteira no capô, que funciona como fluxo de ar aerodinâmico. É possível ainda que o teto solar panorâmico também esteja entre as novidades que a Dodge vai trazer do conceito.

Informações ainda dão conta que ele terá um sistema de escapamento com alto-falantes para o modelo elétrico, com multicamadas a fim de oferecer experiências sensoriais. Segundo o site American Cars and Racing, documentos de patente revelam que a Dodge vai instalar alto-falantes internos e outro abaixo do para-choque traseiro, que inclui woofers e alto-falantes de médio alcance que tocam nas câmaras de mixagem antes de sair em tubos projetados para parecer e soar como tubos de escape. A patente confirma que o sistema terá até mesmo geradores de força, que serão montados na parte inferior do carro.

Em registro, a patente diz que “vantajosamente, o sistema utiliza sons digitais com alguma filtragem básica, mas usa o conjunto de exaustão sintonizado para ajustar o som no domínio acústico em vez do domínio digital, o que cria um som mais autêntico”. Cada um dos geradores de força vai enviar vibrações para a cabine que serão sincronizados com o som do escapamento. Outro ponto é que a marca estuda incluir o eRupt, sistema que simula a sensação e ter uma caixa de câmbio, algo que outras marcas com seus futuros esportivos elétricos também estudam. 



Fotos: Dodge / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR