Na China, Cupra pode aparecer como uma nova marca para vender um 'Tavascan diferente'

Produzido na China, Cupra Tavascan será vendido com outra marca em seu país natal; SUV médio elétrico e com pegada mais esportiva já é produzido em Anhui



A Cupra apresentou ano passado o Tavascan como um novo SUV médio cupê e elétrico que será exportado da China para toda a Europa. O modelo foi confirmado para ser produzido apenas em Anhui, na China, mas não será vendido no próprio país que o produz. Pelo menos, não como um modelo da marca espanhola. De acordo com as primeiras informações, a Volkswagen AG (VAG) confirmou que o Tavascan não será vendido pela Cupra na China e nem adotará o nome Tavascan.

É até possível que ele ganhe novidades em termos de visuais para se enquadrar em uma nova marca do grupo. A informação foi confirmada para o Automobilwoche, que destacou que o Tavascan servirá como o primeiro produto de uma nova marca, com foco em consumidores mais jovens. Se for pensar em possibilidades dentro do próprio grupo alemão, a marca Jetta poderia ser uma opção. Mas, como o jornal destaca que é um produto destinado para uma nova marca, fica a dúvida. Além do Tavascan, essa marca terá novos produtos, para brigar com novas marcas de BYD e Nio.

A VAG ainda confirmou que não vai vender a Cupra na China por conta que seria necessária a “criação de uma marca completamente nova” – como se a criação dessa nova marca jovem também não fosse uma marca nova. Vale destacar que todas as novas apostas da VAG na China não foram bem-sucedidas. A Sehol foi introduzida como uma maneira de levar a Seat para o gigante asiático com um novo nome, usando carros da JAC com um design que lembrasse os carros da espanhola. Depois criou a Jetta, marca que baixo custo que também não deu muito certo até o momento.

Ainda não se tem informações sobre essa nova marca, mas o Cupra Tavascan foi apresentado somente com motor elétrico. Ele possui a plataforma modular MEB, o Tavascan possui 4,644 metros de comprimento, 2,766 metros entre os eixos, 1,861 metro de largura e 1,597 metro de altura. Mecanicamente, o Tavascan possui motor no eixo traseiro que desenvolve 286cv e 56,1kgfm. A versão Pro tem uma bateria de 82kWh (77kWh úteis) que possui uma autonomia de 550km no ciclo WLTP, podendo ser carregada por estações de carga rápida (DC) de 135kW, que recupera de 10% a 80% em menos de 30 minutos. Em sete minutos, ele recupera 100km.

Ele também possui uma versão mais esportiva, chamada de VZ, a versão mais forte tem 340cv e 69,2kgfm. Com esse conjunto, ele acelera de 0 a 100km/h em 5,6 segundos e chega aos 50km/h em apenas 2,4 segundos. Com a bateria de 77kWh, o SUV tem uma autonomia um pouco menor, de 520km. Na apresentação do Tavascan no ano passado, a Cupra confirmou que pretende produzir 50.000 unidades ao ano na China, todas para exportação. 



Fotos: Cupra / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BYD lança oficialmente o Song Pro no Brasil, com motor de até 235cv e por R$ 189.800

Volvo lança promoção do EX30 no Brasil, além de condições para XC40, C40, XC60 e XC90

Iveco já trabalha na homologação do eDaily, que chega ainda neste semestre no Brasil

Baojun apresenta a chegada do Yunduo na China, o concorrente direto do BYD Dolphin

Volkswagen registra imagens de patente do ID.7 S na China, que será da joint-venture SAIC-VW

Mercedes-Benz atualiza itens de série do Classe E no Brasil e fica R$ 61 mil mais barato

Iveco lança o eDaily no Brasil, contra o Ford E-Transit, em três versões e parte de R$ 549.000

JAC Hunter é uma das apostas da marca chinesa para este segundo semestre no Brasil

BYD lança promoção '48 Horas Eletrizantes' e tem condições até o final deste mês

Zeekr revela as primeiras imagens teaser do 'C1XE', que estreia em breve na China