LEVC apresenta a sua nova plataforma modular puramente elétrica, chamada de SOA

LEVC revela as primeiras imagens e informações de uma nova plataforma modular dedicada para veículos elétricos, chamada de Space Oriented Architecture (SOA)



A London Electric Vehicle Company, a LEVC, apresentou as primeiras informações sobre uma nova plataforma modular dedicada para veículos elétricos, chamada de Space Oriented Architecture (SOA). A nova base estará nos futuros produtos da marca inglesa, sendo uma base mais moderna que foi desenvolvida em parceria com a Geely Group, de quem a LEVC faz parte. Modular e escalonável, a nova plataforma vai permitir o desenvolvimento de novos padrões para espaço a bordo, trazendo mobilidade interior otimizada e com emissão zero de poluentes.

“Com base nesta herança incomparável, a nova estratégia da LEVC proporcionará mobilidade inteligente, verde, segura e acessível para todos, através de uma nova gama de veículos eléctricos de última geração, sob a sua visão – um futuro de mobilidade sustentável, para um mundo melhor”, disse a marca em comunicado. Criada em dois anos e meio, essa nova plataforma estava em criação no Centro de Pesquisa & Desenvolvimento que possui na China, Suécia, Reino Unido e na Alemanha, trazendo uma série de flexibilidades sem precedentes, além de maximizar o espaço interno e oferecendo uma série de configurações de bancos e transporte de cargas.

Para essa vasta opção de funcionalidades, a LEVC levou em consideração conceitos básicos como alcance, eficiência, segurança, tempo de carregamento, durabilidade e conectividade. Essa nova plataforma vai permitir que a meca inglesa renove rapidamente sua linha de veículos, consolidando a empresa ainda como uma fornecedora de soluções avançadas de mobilidade em todo o mundo. A sustentabilidade está no foco de todos os produtos da LEVC daqui em diante, oferecendo produtos líderes para motoristas, passageiros e operadores de frotas veículos elétricos.

A SOA vai permitir que os futuros produtos que serão desenvolvidos sobre ela tragam uma bateria localizada centralmente, com um piso plano que vai contribuir para maximizar o espaço para os ocupantes e cargas. Para isso, a LEVC desenvolveu a SOA com um empacotamento de componentes do trem de força elétrico na dianteira, liberando espaço adicional para motoristas e passageiros. Na traseira, a plataforma permite que os veículos tenham um desenho inovador na suspensão, incorporando capacidade de carga adicional sobre a área principal de bagagem.



A base também permite uma múltipla configuração de bancos, com uma pista deslizante que vai da dianteira até a traseira da arquitetura. A plataforma estará disponível em veículos que meçam entre 4,860 a 5,995 metros de comprimento, além de 1,945 a 1,998 metro de largura e distâncias entre os eixos de 3,000 a 3,800 metros. A plataforma permite veículos com tração dianteira, traseira ou integral, além de poder ser equipada com baterias de 73kWh a 120kWh, oferecendo autonomia de até 695km. As baterias que equiparão os veículos vão poder ser carregadas em estações de recarga rápida.

Em termos de segurança, a nova plataforma vai trazer uma estrutura moderna de colisão de alto desempenho de absorção de impactos, alcançando padrões de segurança cinco estrelas na Europa e na China. A base traz uma suspensão de alto desempenho e rigidez para manuseio, conforto e requinte. O design da suspensão de alto desempenho maximiza a bandeja da mola da suspensão traseira perto da borda da roda, fazendo com que a relação de alavancagem da suspensão traseira atinja 0,675, que é 25% superior à média da mesma classe, alcançando grande desempenho de suporte de carga.

A LEVC também destaca que a plataforma será compatível com tecnologias como o L-OS, que vai permitir que venha com uma arquitetura eletrônica do chip ligado a um armazenamento em nuvem, com um enorme poder de computação de até 1.000 TOPS, podendo trazer condução autônoma e sistema operacional digital completo. Essa condução autônoma pode ser de Nível 2 ao Nível 4, trazendo ECARX, que usa uma avançada plataforma de computação inteligente Antora para oferecer o que há de mais moderno em cockpits digitais inteligentes com alto conteúdo de recursos e funcionalidade. Também possui atualizações Over-The-Air (OTA), que permite que o veículo possa sempre ser atualizado, melhorando a experiência de usuário e a usabilidade e eficiência. 





Fotos: LEVC / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Volkswagen lança promoção no Brasil para Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos, Tiguan e Amarok