Na China, Aito comemora primeira marca de 100.000 unidades produzidas em 15 meses

Aito comemora as prmeiras 100.000 unidades produzidas em questão de pouco mais de um ano de produção na China, com uma unidade do M5 



A Aito, marca premium da Seres, confirmou que alcançou a marca das primeiras 100.000 unidades produzidas. Nascida da parceria da Seres com a Huawei, a marca Aito possui dois modelos em linha, sendo o M5 e o M7. A marca também se prepara para o lançamento de um terceiro, o M9, ainda maior. A primeira marca de 100.000 unidades foi alcançada com o M5, que hoje é produzido na unidade de Liangjiang, na China. O SUV é vendido com o sistema de direção inteligente avançado Huawei ADS 2.0.

Ele também é vendido com o sistema operacional Harmony OS 3.0 na central multimídia. No evento que marca as 100.000 unidades produzidas, o Presidente da Seres Group, Zhang Xinghai, e Yu Chengdong, CEO da Huawei Terminal BG, participaram da cerimônia que marcou as primeiras 100 mil unidades produzidas. A união entre a Seres e a Huawei aconteceu em meados de 2021, quando foi assinada a parceria. Na cooperação entre as duas empresas, a Seres é a responsável pelo desenvolvimento dos novos carros, enquanto a Huawei atua como fornecedora crucial de integração de software no ecossistema automotivo da Seres.

A marca foi alcançada 15 meses após o início da produção, que começou com o M5 com as mecânicas elétrica (BEV) e elétrico com extensor de autonomia (EREV). “A produção de 100.000 veículos foi atingida em apenas 15 meses, fazendo da Aito a marca de veículos movidos a novas energias que mais cresce. A Huawei é um importante integrador de produtos de software na rede da indústria automotiva Seres e que os dois lados se envolvem em projetos e serviços de marketing conjuntos.”, destacou Xinghai. Em tempo recorde, o alcance da Aito em 15 meses quebra um novo recorde depois que a Nio alcançou no então menor tempo, em 35 meses, e a XPeng quebrou esse recorde depois, em 34 meses.

“A Aito alcançou 100 mil veículos fora da linha de montagem em 15 meses, marcando o reconhecimento e a confiança dos usuários, e verificou o sucesso do modelo de carro inteligente da Huawei”, destacou Chengdong. Desde o início da produção até chegar à marca de 100.000 unidades, a Aito revelou alguns dados de vendas. Cerca de 80% das vendas são de utilitários esportivos elétricos com extensor de autonomia e os demais 20% ficam com os SUVs puramente elétricos. A próxima meta é alcançar a marca de 1.000.000 de unidades até meados de 2026. Para isso, a marca precisará acelerar bastante seu volume de vendas. 




Fotos: Aito / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet terá Feirão de Fábrica neste final de semana em São Caetano do Sul e promoções

BMW lança novo Série 5 no Brasil, com versão híbrida 530e, que estreia por R$ 574.950

Porsche apresenta seu novo logotipo para comemorar os 75 anos de fundação da marca

Toyota investe mais R$ 160 milhões na fábrica de Sorocaba (SP) com novo Centro de Peças

Hongqi revela oficialmente a segunda geração do HS3 na China, com motor de até 252cv

BYD tem promoção 'DiaE' neste sábado, 22/06, com Dolphin por R$ 135.300, com bônus

BYD King é o batismo global do Destroyer 05 e chega para colocar Toyota Corolla na mira

GM confirma que carros compactos elétricos e lucrativos vão demorar um pouco mais

Toyota apresenta atualização para o catálogo de versões da Hilux, com fim da versão SRX