Baojun apresenta mais detalhes do KiWi EV, que mostra o seu interior pela primeira vez


A Baojun enfim apresentou as primeiras informações adicionais sobre o KiWi EV. O subcompacto estreia na China como uma resposta aos novos hatchs citadinos que estão pipocando no gigante país asiático. Apesar de ter revelado as imagens do exterior do hatch elétrico no ano passado, a Baojun não divulgou imagens do interior. Este, se diferencia por trazer um volante de dois raios e com o logotipo ao centro e escrito por extenso. O painel fica com ares modernos por conta das duas telas, sendo uma para o quadro de instrumentos e outra para a central multimídia. Cada uma das telas tem 10,25 polegadas. O hatch ainda tem saídas de ar-condicionado horizontais, tanto nas extremidades do painel como no centro. O console central ainda possui porta-copos. Nas portas, o KiWi EV possui um desenho bem diferente. Os puxadores são quadrados e a maçaneta é quadrada também, mas prateada e em um acabamento em preto brilhante, que traz também os comandos dos vidros. No design, que não mudou em nada, ele se destaca pela filosofia de design chamada pela marca de geometria interestelar, trazendo um perfil um tanto quanto futurista e que faz com que o carro pareça um pequeno robô. Visualmente, sua dianteira traz faróis com LEDs e tem uma forma proeminente na dianteira, principalmente na parte inferior. 



Nos extremos do para-choque dianteiro ele conta com luzes de LED em disposição vertical e a carroceria é pintado em acabamento bicolor. Nas laterais, as maçanetas das portas estão perfeitamente niveladas e contrasta com os enormes espelhos retrovisores externos. Na parte inferior das portas ele conta com protetores para evitar arranhões e choques ao parar num estacionamento. As rodas possuem desenho aerodinâmico, enquanto a traseira possui lanternas elevadas em LED, que fazem conjunto com o vidro traseiro. A tampa do porta-malas deve ser bem pequena e o para-choque traseiro deve ser grande, com espaço para a placa e com dois grandes refletores instalados na traseira. A Baojun ainda apresentou novidades visuais ao pequeno elétrico, com matérias de melhor qualidade que trouxe uma nova personalidade ao carro. Ele ainda traz novidades na mecânica, que trazem o motor de 54cv e 15,2kgfm, com baterias de 31,9kWh. De acordo com a marca, a autonomia é de 305km. Em uma estação de recarga rápida (DC), o KiWi recupera a bateria de 30% a 80% em apenas 60 minutos. Entre um dos equipamentos de série, o Baojun KiWi EV se destaca por ser equipado com sistema de direção inteligente no veículo DJI, que se concentra na direção urbana e estacionamento inteligente. O recurso ainda coopera com sensores para despachar razoavelmente o poder de computação para definir direção inteligente por cenários. 






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Novo Chevrolet SS poderá ser nosso novo Chevrolet Omega!

Ford EcoSport sairá de linha globalmente em 2023, com o fim na produção na Romênia

Jeep Compass é oferecido com desconto com CNPJ, que é de 8% em todas as versões

Primeiro Caoa Chery, Tiggo 2 sai de linha oficialmente por não atender ao Proconve L7

Volkswagen Sagitar, o nosso Jetta, ganha versão alongada no entre-eixos, "L", na China

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Jeep já vende o novo Renegade com descontos para consumidores com CNPJ em até R$ 13.063

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

SsangYong apresenta o Torres e espera que SUV marque recuperação da marca coreana