Caterham vai desenvolver um carro elétrico de design convencional e um Seven EV

Caterham confirma que trabalha no desenvolvimento de um esportivo elétrico, que será um esportivo aos moldes de cupês tradicionais e não ‘a là Caterham’



A Caterham confirmou que trabalha no desenvolvimento de um esportivo elétrico, que será lançado ainda nesta década. O modelo ganhará uma versão puramente elétrica nos próximos anos, mantendo o design do modelo atual, com linhas mais retro. Além disso, a Caterham quer desenvolver um novo roadster elétrico, que será aerodinâmico e aposta num design de carros mais modernos mas que ainda assim vão manter os principais da marca de ser leve, simples, ágil e com bom desempenho.

As informações foram confirmadas pelo CEO da Caterham, Bob Laishley, que confirmou o negócio de expansão da Caterham em entrevista ao Autocar. A inglesa confirmou que vai produzir automóveis a combustão até meados de 2034, atendendo mercados que não terão uma proibição de carros ICE, como o próprio Reino Unido, que quer barrar carros movidos a gasolina ou diesel já a partir de 2030. Com isso, esses carros a combustão serão enviados muito provavelmente para outros continentes.

O que mais chama atenção é que a marca prepara o lançamento de um esportivo de design mais tradicional. O modelo terá espaço para dois e conviverá com o Seven EV. Laishley confirma que, por enquanto, é “apenas uma ideia na cabeça das pessoas”. Recentemente, a marca tentou trazer um esportivo de dois lugares, conhecido como Projeto C120 (foto acima). O novo modelo fará parte dessa expansão da marca, com uma capacidade inicial de produzir 1.000 unidades. Esse novo veículo deve ser apresentado em meados de 2026.



“Isso definitivamente não será um Seven. Mas terá todas as características que os clientes atuais da Caterham conhecem bem: leveza, simplicidade, agilidade e desempenho. Como o Seven, ele terá uma estrutura espacial de aço (mas diferente) porque é fácil modificá-la na produção, se necessário. Ele terá uma carroceria envolvente de seis painéis em alumínio ou carbono: duas soleiras, duas portas e aberturas em forma de concha na frente e atrás. Será mais bonito e moderno que um Seven – esses serão grandes diferenciais – e talvez tenha teto. Estamos projetando-o como um EV puro desde o início, apenas com tração traseira, e será registrado sob as regras do SVA”, disse o executivo da marca em entrevista.

O carro terá que se transformar em um carro de produção convencional e terá que cumprir todos os regulamentos da Europa, inclusive em equipamentos de série. Mesmo assim, a Caterham estaria trabalhando para que o elétrico seja leve e o mais simples possível. Já o Seven EV também terá que continuar sendo leve para ser interessante ao seu público. “Desde o início, a história da Caterham se concentrou em reaproveitar os componentes OEM de maneira criativa. Se eu quiser fazer isso com um Seven EV, onde consigo leveza? Ainda estamos nos primeiros dias de desenvolvimento de pequenos veículos elétricos. As peças são conservadoras e pesadas. Nunca vamos querer lançar um Seven de 1000kg. Preferimos não fazer isso.”, disse Laishley.

Isso porque, para o executivo, o peso ideal seria em torno dos 700km, apesar disso ser um pouco difícil por conta das baterias. A marca ainda quer apresentar um elétrico capaz de recarregar rápido. “Se não podemos entregar um Seven que pode fazer isso, não deveríamos lançá-lo”, disse ele. “Nós somos sobre leveza. Por que construiríamos um carro que precisa de dois powertrains separados? Seria um acordo terrível.”, complementa. Essa expansão da Caterham precisa ser trabalhada também com os fornecedores. Isso porque a maioria dos fornecedores da marca estão habituados a entregar uma quantidade limitada de componentes.



Fotos: Caterham / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Volkswagen lança promoção no Brasil para Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos, Tiguan e Amarok