Lotus já desenvolve a versão de produção do Type 133, que será um sedã esportivo e elétrico

Type 133: Lotus terá um sedã elétrico que deve ser apresentado dentro de alguns meses e já se encontra em testes finais de desenvolvimento



A Lotus já desenvolve um sedã elétrico que vai colocar a marca inglesa para concorrer com a Porsche, mais uma vez. Conhecido internamente como Type 133, o sedã será apresentado em alguns meses e vai ser o concorrente da Lotus contra o Porsche Taycan. O modelo já roda em testes na China, onde ele é flagrado já com carroceria definitiva e com pesada camuflagem, o que indica que seus testes devem durar mais alguns meses. Ele seguirá os passos do Eletre em termos de expansão da marca a novos segmentos.

A dianteira do novo sedã também deve ser bem parecida com a do Eletre, trazendo uma dianteira mais imponente e dinâmica, como mostra a projeção da CAR Magazine. Ele também será desenvolvido sobre a mesma plataforma Electric Premium Architecture (EPA) e o nome de batismo do sedã deve ser Envya. Com espaço para quatro ocupantes, o sedã elétrico deve trazer um painel praticamente idêntico ao do Eletre.

Segundo o Diretor-Gerente da Lotus, Matt Windle, em entrevista no ano passado, teria dito que o design do Type 133 está se encaminhando para o fim do desenvolvimento e consequente aprovação da Lotus. “Você pode possuir uma Lotus para todas as fases da sua vida. Isso é algo que não existia antes, e esperamos que as pessoas acreditem na marca e entendam o que estamos tentando fazer.”, destaca Windle. Já Peter Horbury, Vice-Presidente Sênior de Design da Lotus, enfatiza que “deve haver alguma continuidade e identidade familiar” em toda a gama de elétricos da Lotus.

“As famílias não são compostas inteiramente de trigêmeos ou quadrigêmeos. Cada membro de uma família pode ter seu próprio caráter.”, destaca. Ou seja, ele não deve ser uma cópia sedã do Eletre, mas haverá um grau de parentesco. Se ele seguir a mecânica do Eletre, espere por um sedã capaz de desenvolver 611cv de potência com torque de 72,4kgfm, que acelera de 0 a 100km/h em 4,5 segundos e chega a velocidade máxima de 258km/h, limitado eletronicamente. Tudo isso ainda vindo com uma bateria de 112kWh que oferece 600km de autonomia.

O elétrico tem capacidade de recarga de 20 minutos para recuperar de 10% a 80%, em um carregador rápido. Ele estreia com essa mecânica no Eletre e no Eletre S. No entanto, a surpresa fica por conta de um Eletre R. Este se destaca por trazer 918cv de potência com 100,4kgfm de torque, que acelera de 0 a 100km/h em 2,95 segundos e chega a velocidade máxima de 265km/h. Ele vem com a mesma bateria de 112kWh, mas oferece uma autonomia de 490km.



Projeção: CAR Magazine / reprodução

Foto: Lotus / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR