Chevrolet Tracker tem detalhes do mix de vendas revelados; Premier é a mais vendida

Surgem informações sobre o mix de vendas do Chevrolet Tracker e versão mais vendida do SUV é a topo de linha Premier, que sai por R$ 170.140



Líder de vendas no segmento de SUVs compactos no Brasil em 2022, o Chevrolet Tracker é hoje um dos líderes de vendas em seu segmento. Geralmente ele aparece entre os três mais vendidos e possui uma gama de versões bem ampla, sendo equipado com motores 1.0 12v Turbo e 1.2 12v Turbo e sempre com câmbio automático. Está interessado em um e não sabe qual a versão mais vendida do modelo? Bom, para a surpresa de muitos, é a versão Premier.

De acordo com levantamento do site Auto+ com a JATO, a versão topo de linha é a mais vendida do Tracker, respondendo por cerca de 40% dos emplacamentos. Atualmente custando R$ 170.140, a versão é seguida pela LT 1.0 Turbo, segunda no lineup do Tracker e que custa R$ 138.040 – respondendo por 33,2%. Outra versão bem aceita pelo consumidor é a LTZ 1.0 Turbo, que hoje sai por R$ 150.730 e representa 18,6%. Já as opções Midnight e RS, lançadas no ano passado, tem parcelas menores. A Midnight mesmo, que custa R$ 148.490, responde por 2,6% das vendas do SUV.

Já o RS, que sai por R$ 167.110, responde por 2,3%. A versão de entrada do Tracker, chamada apenas de 1.0 Turbo, também não responde muito bem nas vendas. De acordo com o levantamento, a opção tem uma parcela de 3% nas vendas do SUV, de acordo com dados levantados de janeiro a outubro de 2023. O Tracker é vendido hoje com motores 1.0 12v Turbo Flex da família CSS. Este desenvolve 116cv de potência e torque de 16,8/16,3kgfm de torque, com câmbio automático de 6 marchas, e o novo 1.2 12v Turbo entrega 133/132cv de potência e 21,4/19,4kgfm de torque, com câmbio automático de 6 marchas.

Com o motor 1.0 Turbo de câmbio automático, o consumo do 1.0 é de 8,2/9,6km/l com etanol na cidade/estrada e 11,9/13,7km/l com gasolina no mesmo circuito. Já o caso do motor 1.2, acoplado a um câmbio automático de 6 marchas, possui consumo de 7,7km/l na cidade com etanol e 9,4km/l com este combustível na estrada. Com gasolina o consumo é de 11,2km/l e 13,5km/l, respectivamente. Com motor 1.0, ele acelera de 0 a 100km/h em 10,5 segundos e chega aos 177km/h de máxima. Já o 1.2 tem desempenho no 0 a 100km/h em 9,4 segundos e velocidade máxima de 185km/h. Os preços vão de R$ 119.990 a R$ 170.140.



Fotos: Chevrolet / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR