Byton consegue acionista e empresa se salva mais uma vez; M-Byte enfim deve ser produzido


Depois de quase decretar falência, a Byton conseguiu se manter por meio de aparelhos nos últimos meses. A marca saiu do “coma” por conta da Foxconn, que assinou um acordo para ser a nova maior acionista majoritária da Byton. A empresa, com sede em Taiwan, deve permitir que a Byton recomesse a sua história. O investimento, da ordem de US$200 milhões, devem ajudar a startup a se organizar na produção e compartilhamento de tecnologias e softwares com a Foxconn. Em julho do ano passado, surgiram as primeiras informações sobre a paralisação da produção da Byton na fábrica de Nanjing, na China, que teve o início da produção atrasado e que, em tese, teria começado em maio, por causa do Corona Vírus. A produção acabou sendo adiado em seis meses, ou seja, a produção deve começar entre o final de 2020 e o início de 2021. É um balde de água fria para quem esperava ver os carros na rua ainda neste ano, principalmente aqueles consumidores que já estavam na fila de espera pelo modelo desde 2018, quando foi apresentado como conceito. Apresentado no final de 2019, o M-Byte usa bateria 72kWh com motor de 200kW que entrega 268cv de potência, com autonomia de 580km nas versões de acesso e a bateria de 95kWh com autonomia de 735km. O 4WD vem com um e-motor frontal de 150kW. A recarga CA (Corrente Alternada) é de 22kW, enquanto a recarga rápida CC (Corrente Contínua) é de 150kW. Isto permite recarregar 100km em 10 minutos.  O carregamento rápido de 150kW, aplicável a todas as opções, faz a recarga de 80% da capacidade em 35 minutos.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290