Haval Jolion pode ser o próximo lançamento da marca em nosso mercado, com batismo H4

Próximo Haval a ser lançado em nosso mercado deve ser o Jolion, que aqui deve ser rebatizado para H4; modelo será híbrido (HEV) e é avistado em testes aqui



A Great Wall Motors (GWM) chegou ao Brasil primeiro com a marca Haval e primeiro com o SUV médio H6 e H6 GT, a variante mais cupê. O próximo lançamento da marca deve o Jolion, que pode chegar em nosso mercado dentro de alguns meses e com um novo batismo: H4, padronizando os batismos com o H6. Menor que o H6, o H4 deve mirar nas versões de entradas de Jeep Compass, Toyota Corolla Cross e Volkswagen Taos, com uma proposta similar até mesmo em porte.

A diferença é que o Jolion/H4 já nasce como um modelo híbrido, mecânica que os concorrentes nem imaginam em ter. À venda na Argentina, o Jolion está em testes em nosso mercado desde o ano passado e foi avistado pelo Auto+. O SUV híbrido possui 4,472 metros de comprimento, 2,700 metros entre os eixos, 1,841 metro de largura e 1,619 metro de altura, tendo o mesmo porte de modelos citados acima. Aqui, ele usará um motor híbrido (HEV), que não necessita ser recarregado na tomada. Ele traz o motor 1.5 Turbo a gasolina de 150cv e 22,4kgfm junto a um motor elétrico de motor elétrico de 50cv e 15,8kgfm.

Juntos, os motores entregam 190cv e 38,2kgfm, com o câmbio automático DHT. Por lá, o motor híbrido move as rodas dianteiras e chega a ter um consumo de 20km/l, em média. O SUV terá quatro modos de condução: EV, Series, Parallel e Regeneration. O nome Haval H4, ainda tratado como um rumor, vem depois da fala de Oswaldo Ramos, Chefe de Operações Comerciais da GWM disse em entrevista ao Jornal do Carro durante participação na Live Momento Mobilidade, do caderno Mobilidade Estadão. De acordo com Ramos, a GWM “não usará nomes de origem chinesa”, ou seja, ele deve seguir os nomes com inicial ‘H’.

Visualmente, ele possui faróis de tecnologia em LED, com luzes de repetição de seta e luzes diurnas, enquanto a luz diurna DRL, em uma posição vertical, e vai do topo do farol até o fim da peça. A grade dianteira também recebe uma nova grelha, com uma grade dianteira de barras transversais. Nas laterais, ele tem um design com vidros de contorno cromado, com retrovisores com base nas portas e um porte semelhante aos seus rivais. Na traseira, o SUV conta com o logotipo HEV, que identifica que estamos diante da versão híbrida. As lanternas tem um estilo bumerangue, com o nome Haval bem destacado.

De série, quadro de instrumentos de 7 polegadas e uma central multimídia com tela de 10,25 polegadas. De série, ele será equipado com seis airbags, controle de estabilidade e uma série de sistemas de assistência ao motorista como frenagem de emergência autônoma, controle de cruzeiro adaptável com Stop&Go, assistência de centralização de faixa, monitoramento de ponto cego, aviso de colisão traseira, alerta de tráfego cruzado traseiro e frenagem e assistência ao estacionamento para estacionamento paralelo. Se ele for lançado aqui, terá preços na casa dos R$ 180.000. A conferir.



Fotos: Haval / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Volkswagen lança promoção no Brasil para Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos, Tiguan e Amarok