Mercedes-Benz e Porsche investem em baterias com silício e; Porsche investe em startups

Mercedes-Benz e Porsche devem largar na frente no desenvolvimento de veículos elétricos com novas parcerias que foram feitas nos últimos meses



As alemães Mercedes-Benz e Porsche serão as responsáveis por serem as marcas ocidentais com mais condições de desenvolverem o que são chamados de uma nova geração de veículos elétricos. Isso porque as empresas vem trabalhando bastante para aumentar o leque de parceiros entre as marcas, principalmente ligado a componentes de veículos elétricos, como empresas de baterias, por exemplo. Usando uma nova tecnologia de eletrodos de silício, os veículos devem trazer novidades a partir de 2024.

Nesse ano, começam a ser produzidos os carros elétricos com eletrodos de silício em Washington, nos Estados Unidos. Serão baterias desenvolvidas pela Group14 Technologies e a Sila Nanotechnologies. O silício será uma opção ao grafite, nos ânodos de silício. A produção nos EUA no ano que vem vai produzir baterias com uma capacidade inicial de produzir 200.000 baterias ao ano num primeiro momento, com uma capacidade de triplicar esse volume em alguns anos. Tanto a Mercedes-Benz como a Porsche estariam trabalhando junto a Group14 Technologies e a Sila Nanotechnologies.

Além delas, empresas como Amperex Technology Limited, BASF e SK investem na produção de baterias com esse material. A Porsche também é uma das investidoras e a Mercedes-Benz e a Porsche serão as primeiras clientes. Uma nova fábrica será erguida na Coreia do Sul, em parceria com a Group14 e a SK Innovation. Na linha de produção, é esperado que os primeiros elétricos com essa bateria surjam já em 2025, com um SUV da Mercedes-Benz. O modelo em questão pode ser o EQG. Por outro lado, a Porsche vem apostando cada vez mais em empresas startups.

Ao todo, a alemã já investiu em cerca de 60 novas empresas que desenvolvem tecnologias para veículos elétricos, com o braço chamado de Porsche Ventures. “Estamos muito satisfeitos com os desenvolvimentos até agora e agora estamos acelerando vigorosamente com o Porsche Ventures 2.0. A localização no Luxemburgo, no coração da Europa, sublinha a orientação internacional das nossas atividades de capital de risco. A Porsche Investments Management SA terá maior agilidade na tomada de decisões para garantir que estejamos estruturados de forma ainda mais eficiente e possamos avançar rapidamente nas oportunidades de investimento.”, disse Lutz Meschke, Vice-Presidente do Conselho Executivo e Membro do Conselho Executivo de Finanças e TI da Porsche AG.

“As nossas atividades estão a dar frutos não só em termos estratégicos, mas também do ponto de vista financeiro. Eles estão gerando importantes oportunidades de inovação e investimento e já estão contribuindo cada vez mais para o valor da empresa.”, acrescentou Meschke.



Fotos: Mercedes-Benz e Porsche / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Volkswagen lança promoção no Brasil para Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos, Tiguan e Amarok