Ford revela imagens de patente de novas funções de para-sóis e retrovisores digitais

Ford registra imagens de patente nos Estados Unidos de quebra-sol com sistema para quebrar vidros e sistema de estabilização de imagem no retrovisor 



A Ford registrou imagens de patente de novidades em termos de para-sóis e espelhos retrovisores no United States Patent and Trademark Office, o USPTO. As ideias foram registradas no país norte-americano com para-sóis que quebram vidros em caso de uma emergência e o outro é um espelho retrovisor que estabiliza a imagem do vidro, minimizando ou extinguindo as vibrações. Vamos nos ater primeiro no sistema é a haste dos para-sóis, responsável por mover o para-sol para baixo e para os lados.

De acordo com o registro no USPTO, o para-sol tem um desenho normal e convencional, com um espelho e sistema de iluminação. A diferença é que o sistema possui uma haste de ferro que pode ser usada em casos de emergência, onde é necessário quebrar o vidro dos carros para sair deles – o que pode ser útil em caso de alagamentos ou até mesmo em acidentes, por exemplo, caso a porta fique inoperante. A haste pode ser removida do teto e possui na ponta tem um desenho pontiagudo. Com um desenho tipo em ‘L’ da haste dos para-sóis, o sistema não teve muitos detalhes que explicam como ele funciona.

Muito provavelmente, os passageiros tentariam a sorte com a ponta para quebrar o vidro. Apesar do registro, mas há informações se será útil em um carro de produção. Pelo menos não do jeito que foi registrado, sem muitas informações. Outro registro foi descoberto pelo Ford Authority, que é uma evolução do espelho retrovisor interno que foi apresentado na Transit recentemente na Europa. O retrovisor da van é uma câmera que está localizada na traseira e que transmite as imagens para o retrovisor interno, uma vez que ela não possui janela traseira.

A solução pode ganhar melhorias com um sistema de estabilizar as imagens do espelho retrovisor. Claro, o sistema, apesar de ser mais sofisticado com as câmeras, pode ser influenciado com as vias. A patente quer minimizar as vibrações comuns durante a condução, com um sistema que vai funcionar com sensores para evitar imprevistos na estrada, com buracos ou desníveis. O sistema com os sensores vai aprender com mapas onde estão esses defeitos na pista e memorizá-los. Ao identificá-los, o sistema vai reagir em conformidade e exibirá imagens estabilizadas no espelho retrovisores.

Isso vai ajudar os retrovisores digitais a não passarem uma imagem trêmula ao motorista. Assim como a primeira patente, não se tem informações se esse sistema estará nos futuros carros da marca. 





Patentes: United States Patent and Trademark Office – USPTO / reprodução

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290