Morgan apresenta o Super 3, substituto do Wheeler 3, que chega com motor 1.5 12v de 118cv


A Morgan apresentou o substituto do 3 Wheeler, o Super 3. O modelo de três rodas da marca busca uma inspiração na primeira geração do 3 Wheeler. Desenvolvido a partir do zero, o novo modelo será produzido na unidade de Malvern, no Reino Unido. O carro estreia como o triciclo mais avançado já desenvolvido pela Morgan, sendo desenvolvido a partir de um chassi monocasco em alumínio. Este, chamado de Superformed, traz uma maior rigidez torsional. Visualmente, o Super 3 se destaca por contar com um design mais moderno, que mescla com o retro, que é de longe a característica mais perceptível do carro. Ele traz faróis redondos com novas tecnologias, além de um desenho mais aerodinâmico, tendo rodas com para-lamas que cobrem mais os pneus e rodas de novo desenho, que chega até a lembrar as rodas de modelos da Mercedes-Benz da década de 1990. Ainda nas laterais, ele possui um para-brisas duplo, tendo retrovisores com hastes cromadas. Visto de traseira, o roadster possui lanternas circulares e bem pequenas nas extremidades, tendo um espaço para a placa ao centro. Nos extremos inferiores, estão as saídas de escape e a terceira roda fica escondida. No interior, o carro conta com mais espaço para os ocupantes, trazendo ainda um painel de linhas que mesclam a modernidade com as linhas clássicas. 



Ele traz um quadro de instrumentos central com tela digital e do 3 Wheeler traz apenas o botão de arranque, que lembra os de aviões militares antigos. Pesando 635kg, a Morgan equipa o Super 3 com um motor 1.5 12v de origem Ford, que desenvolve 119cv de potência e 15,2kgfm, acoplado a um câmbio manual de 5 marchas, câmbio que provém do Mazda MX-5. Com esse conjunto, o Super 3 acelera de 0 a 100km/h em 7 segundos e chega a velocidade máxima de 209km/h. Ainda falando sobre mecânica, ele possui uma suspensão inteiramente nova, redesenhada para diminuir o diâmetro de giro do volante e deixa um espaço maior para o ar fluir nos radiadores, montados nas laterais com as molas e amortecedores na parte interior. Compacto, ele possui 3,581 metros de comprimento, 2,533 metros entre os eixos, 1,840 metro de largura e 1,132 metro de altura. De série, ele será equipado com uma proteção Tonneau para quando estiver estacionado, mas não chega a ser uma capota. Apesar disso, a Morgan projetou o carro para que ele sobreviva a condições climáticas intensas. Os controles do painel e até as tomadas USB são vedadas contra poeira e respingos de água, e as quatro opções de estofamento também foram projetadas com resiliência em mente. Os compradores podem escolher entre vinil, couro resistente à água, couro de sela e um outro tipo de tecido resistente à água e aos raios UV. O porta-malas fica nas laterais, em bolsas instaladas e amarradas, que podem ser vendido como opcionais. No Reino Unido, seu preço será de 41.995 libras, cerca de R$ 279.250.






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias