GM fecha parceria com a OneD para o desenvolvimento de baterias e em P&D

General Motors e OneD Battery firmam parceria para desenvolvimento de baterias, em Pesquisa & Desenvolvimento, com tecnologia de ânodo de silício



A General Motors (GM) e a OneD confirmou que fecharam uma parceria de Pesquisa & Desenvolvimento de baterias com tecnologia de ânodo de silício. A parceria entre as duas ainda visa o potencial uso de nanotecnologia de silício OneD em células de bateria Ultium da GM para impulsionar aumentos significativos em densidade de energia para alcance mais longo e custo reduzido. Para isso, a Volta Energy Technologies terá participação na OneD's Series C.

A colaboração entre as empresas ainda visa que a plataforma Sinanode da OneD, que adiciona mais silício às células de baterias do ânodo vai permitir fundir nanofios de silício em grafite de grau EV. De acordo com as empresas, o silício consegue armazenar cerca de 10 vezes mais energia que o grafite. Com isso, o aumento da densidade de energia pode abrir a porta para baterias menores, mais leves e que consigam oferecer uma autonomia maior – o que seria uma ótima notícia.

“A GM projetou o Ultium para ser uma plataforma extremamente flexível para que possamos melhorar continuamente nossas células à medida que a tecnologia da bateria avança. Nossa colaboração com a OneD se concentrará nos esforços para continuar os avanços na faixa, desempenho e custo de EV.”, disse Kent Helfrich, Diretor de Tecnologia da GM, Vice-Presidente de Pesquisa e Desenvolvimento da GM e Presidente da GM Ventures.

A parceria entre as empresas ainda pode ser inédita, principalmente por conta do ânodo de silício. A GM tem planos ambiciosos para seus carros que usam a bateria Ultium, produzindo 1 milhão deles por ano em 2025. Já a OneD confirmou que já trabalha em baterias há 15 anos e possui mais de 240 patentes registradas. A empresa ainda trabalha para a licenciar a tecnologia Sinanode para seus parceiros a um custo menor.

“Desde o primeiro dia, OneD tem como objetivo simplificar o silício como meio para uma era completamente nova de EVs. Acreditamos que os vencedores da corrida EV serão aqueles que podem efetivamente adicionar mais silício à célula de bateria, de uma forma que não interrompa as cadeias de suprimentos e processos existentes. Estamos entusiasmados em colaborar com a General Motors em nosso objetivo comum de acelerar a adoção de veículos elétricos em massa.”, disse Vincent Pluvinage, CEO da OneD Battery Sciences.



Fotos: Chevrolet / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Volkswagen lança promoção no Brasil para Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos, Tiguan e Amarok