Volvo já desenvolve os S60 e S90 elétricos; seis elétricos estreiam até o final de 2026

Vazam relatórios da Volvo que confirmam que a empresa trabalha em versões elétricas com novas gerações de S60 e S90, que serão apresentados nesta década



A Volvo parece que vai desenvolver novas gerações dos seus sedãs, S60 e S90. Depois da marca apresentar as versões elétricas de XC40 e o C40, apostando também no inédito EX90 e, em breve, com o EX30, a sueca vai apostar em outros segmentos. De acordo com os relatórios da marca, os dois sedãs serão puramente elétricos em uma nova geração, possivelmente sendo batizados de ES60 e ES90 e seguindo o design do EX90.

Segundo as informações apuradas pela Agência Reuters, os sedãs estavam congelados por conta das vendas de sedãs terem caídos nos últimos anos, mas ao que tudo indica, os modelos receberam um sinal verde. Não se sabe ainda qual será a plataforma escolhida pela Volvo para equipar os sedãs, mas possivelmente será a SPA2 ou a SEA. Não faz muito tempo que a Volvo confirmou que não abandonaria o segmento de sedãs e de stations wagons.

Em entrevista no ano passado, o CEO da Volvo, Jim Rowan, ao Autocar, confirmou que é possível que os modelos S60, V60, S90 e V90 tenham um futuro. “Basta dizer que atuamos em todos os espectros e gamas, e temos clientes que exigem diferentes usos para veículos. Vamos tentar garantir que podemos capturar o máximo possível.”, disse Rowan na época. Ao mesmo tempo, descartou a existência de ter “40 modelos diferentes não está fora de estratégia”, disse.

Até 2026, a promessa é que seis novos modelos elétricos sejam lançados, ou seja, é possível que toda a linha ganhe uma nova geração, incluindo com o EX90, que já representa esse processo de renovação. Atualmente, a linha da marca conta com C40, S60, V60, S90, V90, XC40, XC60 e XC90. Rumores indicam que os cinco outros modelos elétricos sejam XC40, XC60, S60 e S90, além de um quinto produto, que deve ser uma minivan destinada para o mercado chinês.

A informação da minivan foi confirmada por Qin Peiji, Presidente da Volvo Cars Greater China Sales Company. A novidade deve ser apresentada após o novo SUV compacto da marca, que ficará abaixo do XC40, o EX30. O mais curioso é justamente o desenvolvimento de uma ‘MPV’, segmento que a Volvo nunca se preocupou em estar presente. O que se sabe é que o modelo deve ser baseado sobre a mesma base da Zeekr 009, vindo com a plataforma modular SEA da Geely, atendendo necessidades do consumidor chinês.



Fotos: Volvo / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BYD lança oficialmente o Song Pro no Brasil, com motor de até 235cv e por R$ 189.800

Volvo lança promoção do EX30 no Brasil, além de condições para XC40, C40, XC60 e XC90

Baojun apresenta a chegada do Yunduo na China, o concorrente direto do BYD Dolphin

Volkswagen registra imagens de patente do ID.7 S na China, que será da joint-venture SAIC-VW

Iveco lança o eDaily no Brasil, contra o Ford E-Transit, em três versões e parte de R$ 549.000

Renault lança promoção em julho no Brasil para quase toda a linha, inclusive com elétricos

BYD lança promoção '48 Horas Eletrizantes' e tem condições até o final deste mês

JAC Hunter é uma das apostas da marca chinesa para este segundo semestre no Brasil

Peugeot lança o novo E-2008 no Brasil, elétrico que chega com melhorias e um motor de 158cv

Kia confirma que vai manter os preços no Brasil mesmo com aumento da alíquota de IPI