Yangwang mostra funcionalidades que o U9 possui graças à inovadora suspensão Disus-X

Yangwang é a nova marca da BYD que apresentou o hiperesportivo U9 que é capaz de rodar com três rodas e de dar pequenos saltos graças à suspensão Disus-X 



A Yangwang confirmou mais alguns detalhes do seu hiperesportivo elétrico, o U9, que foi apresentado no início do ano junto com o U8. No caso do esportivo, a marca chinesa apresentou algumas configurações em que ele é capaz de ter recursos que nenhum outro veículo possui – pelo menos até o momento. Seu sistema de suspensão, chamado de Disus-X, possui algumas funcionalidades que vão desde ajudar o carro a andar em três rodas, caso uma seja perdida, até mesmo conseguir dar pequenos saltos. Oi!?

É isso mesmo. A Yangwang desenvolveu os dois recursos que parecem ser bem estranhos. A suspensão possui o Sistema Inteligente de Controle de Corpo de Amortecimento (Disus-C), Sistema de Controle de Corpo Hidráulico Inteligente (Disus-P) e Sistema de Controle Inteligente de Corpo de Ar (Disus-A). “O sistema BYD DiSus é o primeiro sistema de controle de carroceria inteligente autodesenvolvido lançado por uma empresa automobilística chinesa, marcando a inovação de zero a um. O sistema BYD DiSus garantirá ainda mais a posição pioneira global da BYD na indústria.”, disse o CEO e Presidente da BYD, Wang Chuanfu.

A suspensão ainda permite que o carro ganhe ‘vida própria’, podendo subir a dianteira, subir uma das laterais ou a traseira. O vídeo até assusta porque o carro parece ter controle sobre si. Na verdade, a suspensão Disus-C possui um amortecimento controlado por válvula solenoide do amortecedor, enquanto a Disus-A tem amortecedores a ar que podem ser ajustados em até 150 milímetros e o Disus-P é "o primeiro sistema inteligente de controle hidráulico de carroceria do mundo". Com isso, ele permite controlar a entrada de óleo do amortecedor da válvula de ajuste de amortecimento e da válvula de ajuste de rigidez.

Com isso, o carro possui um sistema que pode levar todas as quatro rodas simultaneamente como também pode ajudar a carroceria a manter o equilíbrio para rodar em três rodas. A BYD comenta que os sistemas estavam em desenvolvimento por 30 meses e contou com 10 milhões de quilômetros em testes para garantir a sua capacidade de aguentar a durabilidade do sistema. Ao ser apresentado, a Yangwang confirmou que ele é equipado com quatro motores elétricos que vão desenvolver, juntos, 1.115cv e 130,5kfgm.

Cada motor desenvolve 299cv e 32,6kgfm. Juntos, eles desenvolveriam 1.196cv e 132,8kgfm, mas a combinação é um pouco menor. Ele ainda pode ter um motor mais forte, de 326cv e 42,8kgfm cada. Com quatro motores, ele desenvolveria 1.304cv e 171,2kgfm. Com isso, é esperado que seu desempenho possa ser de 0 a 100km/h em menos de 2 segundos. Ainda mecanicamente, o U9 poderá receber uma bateria Blade de 100kWh, oferecendo uma autonomia que pode ser de 700km.



Vídeos




Fotos: Yangwang / reprodução

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290