Fábrica da GWM, em Iracemápolis (SP), ficará pronta para produzir ainda neste ano de 2024

GWM revela mais detalhes do seu plano estratégico e apresenta picape da Poer em evento que confirma início da produção em nosso mercado ainda em 2024 



A Great Wall Motors (GWM) confirmou um investimento da ordem de R$ 10 bilhões em nosso mercado e contou com a aquisição da fábrica de Iracemápolis (SP), que começa a produzir ainda em 2024. Esse anúncio da compra da fábrica e do início da sua operação foi em 2022, quando a marca afirmou que seu primeiro produto poderia ser uma picape. No evento que aconteceu em abril de 2024, a GWM confirmou que a inauguração da fábrica aconteceria em 1º de maio de 2024.

Há rumores de que esse planejamento seja adiado para o segundo semestre, o que ainda faz com que a fábrica estreie ainda neste ano. Durante todo o ano de 2022 e 2023, a chinesa trabalhou para encontrar fornecedores, ao mesmo tempo que trouxe novos fornecedores para peças que ainda não tinha fornecimento aqui. Se a GWM estrou com a marca Haval e depois com a Ora, o ano de 2024 pode ficar marcado pela estreia da Poer, que é uma marca dedicada a picapes. A produção inicial começaria com uma picape e um utilitário esportivo de sete lugares, muito provavelmente com uma base em chassi (por isso, os rumores do Tank 500, que seria mais uma das marcas estreando no país).

De fato, a produção do primeiro produto será no segundo semestre de 2024. O anúncio foi oficializado por Geraldo Alckmin, Vice-Presidente da República e também Ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços. “A neoindustrialização do Brasil passa necessariamente pela descarbonização e pela inovação, pela criação de meios de produção mais sustentáveis e eficientes. Há uma sinergia entre este projeto de desenvolvimento de tecnologia da indústria automotiva brasileira conduzido pela GWM e o pensamento do governo brasileiro”, afirmou Alckmin.



O modelo que participou do anúncio é uma Great Wall Pao Off-Road, como é conhecida na China. Em outros mercados, ela é vendida como Great Wall Poer, sendo Poer o nome da picape e a marca Great Wall. No entanto, Great Wall Motors passou a ser o nome que une todas as marcas do grupo e Poer ganhou o status de marca/submarca. Com isso, é esperado que ela seja batizada de GWM Poer com a letra ‘P’ e um numeral – assim como o Haval H6. No entanto, a GWM confirmou que aqui a Poer apresentado é apenas ilustrativa sobre uma picape – e também é usada como mula de testes.

Isso porque a picape que a marca quer trazer ao nosso mercado ainda não foi apresentada na China. No planejamento da GWM, a estimativa era que a fábrica fosse inaugurada em 1º de maio de 2024 e a produção iniciaria três meses depois. A fábrica que era da Mercedes-Benz terá a sua capacidade ampliada de 20.000 para 100.000 unidades ao ano e passa por reformas desde a sua aquisição. A meta é produzir no Brasil e enviar os produtos para todos os mercados da América Latina. “Esse é mais um passo importante da história da GWM no Brasil, com o anúncio do início das operações da sua fábrica em Iracemápolis, cujos veículos híbridos, com gasolina e etanol, estarão à disposição dos consumidores brasileiros e da América Latina a partir do próximo ano”, disse James Yang, Presidente da GWM Brasil.

A picape é cotada para ser o primeiro produto Hybrid Flex da GWM no Brasil, além de ser uma forte candidata a inaugurar a linha de produção em Iracemápolis (SP). A informação não chegou a ser confirmada, mas Oswaldo Ramos, CEO da GWM Brasil, disse que a novidade [mecânica] não chega com a dupla da Haval – H6 e H6 GT. A GWM quer fazer com que a Poer lance a primeira picape híbrida e bicombustível do país. De acordo com informações, executivos confirmaram que a GWM já trabalha com a Bosch para fazer a picape da Poer rodar tanto com gasolina como também com etanol.





Fotos: GWM / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Ford traz novo lote da Ranger Raptor com mais equipamentos de série e custa R$ 466.500

Jaguar-Land Rover quer construir uma inédita fábrica de bateria para elétricos no Reino Unido

BMW revela as novas imagens teaser do M5 e M5 Touring, que vão ter mais de 700cv

Suzuki Invicto aparece na Índia como rebadge da Toyota Innova e espaço para até oito

Toyota lança o RAV4 com motor híbrido plug-in (PHEV) de 306cv no Brasil, por R$ 399.990

RAM reajusta os preços da Classic e diminui os preços da picape em até R$ 35.000

Volkswagen T-Cross com reestilização chega ainda neste primeiro semestre de 2024

Nio revela primeiro teaser da sua nova marca, a Onvo, que estreia com o SUV elétrico L60

Galaxy apresenta na China o seu sedã L6, que estreia como um PHEV com motor de 390cv