GWM trabalha para encontrar fornecedores nacionais para a produção em Iracemápolis (SP)

GWM busca por novos fornecedores no mercado brasileiro antes de começar a produção em Iracemápolis (SP), o que vai acontecer em meados de 2024



A Great Wall Motors (GWM) confirmou que já trabalha com a chegada de novos produtos no Brasil enquanto o mercado brasileiro receberá as primeiras unidades nacionais no ano que vem. O grupo vem trabalhando em encontrar novos fornecedores no mercado brasileiro, antes de começar a produção. A GWM quer encontrar o máximo de fornecedores locais para aumentar o nível de nacionalização das peças. Recentemente, o grupo teve uma reunião com Sindipeças.

De acordo com James Yang, Chefe das Operações da GWM no Brasil, Frank Hagele, Diretor da Fábrica, e Ricardo Bastos, Diretor de Assuntos Governamentais, disseram em entrevista ao Automotive Business que a montadora já tem uma lista de fornecedores que já estão conversando para comporem a grade de empresas que vão produzir junto com a marca no interior de São Paulo. "Já temos um fornecedor de logística, ainda precisamos nomear os demais para a área produtiva. Até o meio do ano temos que estar com tudo isso rodando. Foi um contato institucional, mas conseguimos avançar no preparativo de uma agenda.", disse Bastos.

A fábrica de Iracemápolis (SP) já está à espera de equipamentos e componentes que a matriz na China vai mandar para o Brasil. Foram removidos todos os equipamentos da fábrica anterior, da Mercedes-Benz, enquanto a área de pintura já está pronta. A produção nacional deve começar com um regime SKD, quando kits vem importados e semi-desmontados, demandando a produção nacional para concluir a produção dos veículos, em uma primeira fase. Nacionalmente, será produzido bancos, pneus e vidros.

Os executivos disseram ao site ainda que a fábrica deve contar com alguns fornecedores em Iracemápolis, dentro do complexo industrial da marca. "Existe um estudo pronto que mostra que é viável manter fornecedores lá dentro do terreno.", disseram. Aqui, o primeiro veículo responsável por inaugurar a fábrica de Iracemápolis (SP) será a picape da Poer (veja aqui). A informação foi confirmada em entrevista com Oswaldo Ramos, Chefe de Operações Comerciais, que confirmou que a picape será o primeiro produto nacional por conta das suas especificidades e alterações necessárias para atender nosso mercado.



Fotos: GWM-Haval / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290